BIKE ESTRADA Uncategorized

Le Tour de France: Groenewegen ganha último Sprint; Froome leva quarta vitória no Tour

Evento terminou em Paris neste domingo. Foram 23 dias de prova. 

Chegada em Champs-Elysées (Foto: © ASO/Pauline BALLET)

A 21º etapa do Le Tour de France foi do holandês Dylan Groenewegen. O evento terminou em Paris, neste domingo (23) após 23 dias de prova e quase 3500 quilômetros de pedal. O último percurso foi de 103 km. No Sprint final, o alemão André Greipel apertou o pedal, e ficou perto de cruzar a linha de chegada em primeiro, porém o dia era de Dylan. Ele é o primeiro holandês a vencer na Champs-Elysées desde Jean-Paul van Poppel em 1988. Chris Froome levou a camisa amarela pela quarta vez.

Os pilotos largaram em Montgeron. Assim que chegaram em Champs-Elysées Daryl Impey (Orica-Scott) atacou e criou um grupo de frente de nove pilotos com Imañol Erviti (Movistar), Miki Schär (BMC), Alexey Lutsenko (Astana), Julien Vermote (Quick-Step Floors), Marcus Burghardt (Bora-Hansgrohe), Nils Politt (Katusha-Alpecin), Sylvain Chavanel (Direct Energie) e Dion Smith (Wanty-Groupe Gobert). Warren Barguil (SunWeb) teve um pneu furado, mas conseguiu voltar com 32 km para ir.

“Este é um dia incrível para os velocistas. Vencer em Champs-Elysées é um dia perfeito. Somos apenas cinco atletas na equipe mas foi o suficiente. Eles fizeram um ótimo trabalho, me colocaram em uma boa posição, na roda do Alexandre Kristoff, e eu corri para a linha de chegada. Esta é minha primeira etapa ganha no Tour. Quando eu era novo, eu assistia a etapa do Champs-Elysées na TV e agora estou aqui como um ganhador. Isso é maravilhoso”, afirmou o holandês, Dylan Groenewegen.

Com quatro títulos no Le Tour de France, Chris Froome ainda não está satisfeito e diz que quer bater o recorde no próximo ano. “É um sentimento incrível. A Champs-Elysées nunca nos desaponta. Tem algo mágico pois ficamos três semanas pensando nesse momento. É gratificante. É demais ver minha esposa e meu filho de novo após alguns meses na estrada. Em cada momento eu ganhei o Tour. Todas as minhas vitórias são tão especiais, cada uma de uma maneira. Esta será lembrada como a mais próxima e mais dura de todas. É um privilégio ir para o recorde no próximo ano”, afirmou o campeão.

Froome comemora vitória com filho que não via há meses (Foto: © ASO / A. Broadway)

Pedido de casamento
Um momento inesperado de casamento surpreendeu o público. O atleta Cyril Gautier (AG2R-La Mondiale) pediu a namorada Caroline em casamento através de uma mensagem escrita em um papel. Veja no vídeo:

Retirado da FanPage Oficial Le Tour de France: http://bit.ly/2vyS9yx

Confira a classificação da 21º etapa
1. Dylan Groenewegen (HOL) Team Lotto Nl – Jumbo (02h 25′ 39”)
2. André Greipel (GER) Lotto Soudal (02h 25′ 39”)
3. Edvald Boasson Hagen (NOR) Team Dimension Data (02h 25′ 39”)
4. Nacer Bouhanni (FRA) Cofidis, Solutions Credits (02h 25′ 39”)
5. Alexander Kristoff (HOL) Team Katusha Alpecin (02h 25′ 39”)
6. Borut Bozic (SLO) Bahrain – Merida (02h 25′ 39”)
7. Davide Cimolai (ITA) Fdj (02h 25′ 39”)
8. Pierre-Luc Perichon (FRA) Team Fortuneo – Oscaro (02h 25′ 39”)
9. Rüdiger Selig (GER) Bora – Hansgrohe (02h 25′ 39”)
10. Daniele Bennati (ITA) Movistar Team (02h 25′ 39”)

Confira a Classificação Geral
1. Christopher Froome (GBR) Team Sky (86h 20′ 55”)
2. Rigoberto Uran (COL) Cannondale Drapac Professional Cycling Team (86h 21′ 49”)
3. Romain Bardet (FRA) Ag2r La Mondiale (86h 23′ 15”)
4. Mikel Landa (ESP) Team Sky (86h 23′ 16”)
5. Fabio Aru (ITA) Astana Pro Team        (86h 24′ 00”)
6. Daniel Martin (ITA) Quick – Step Floors (86h 25′ 37”)
7. Simon Yates (GBR) Orica – Scott (86h 27′ 09”)
8. Louis Meintjes (RSA) Uae Team Emirates       (86h 29′ 15”)
9. Alberto Contador (ESP) Trek – Segafredo (86h 29′ 44”)
10. Warren Barguil (FRA) Team Sunweb (86h 30′ 20”)

Confira o resumo da etapa

Confira os melhores momentos de 2017: